Notícias

Parceria possibilita realização de 171 cirurgias vasculares para pacientes do SUS

  • Publicação: 07/03/2018 10:52h
  • Redator(es): Darlene Ribeiro
  • Release N.º: 154

Foto

Foto: Giuliano Miranda RIC/PMI

A Prefeitura de Indaiatuba e a Associação das Empresas de Serviços Contábeis de Indaiatuba (Aesci) firmaram um convênio para a realização de cirurgias vasculares direcionadas a pacientes já triados pela Secretaria Municipal de Saúde e que aguardavam pelo procedimento. Através da parceria, que inclui ainda a SHDias Consultoria e Assessoria, o Instituto de Gestão de Cidades (Igecs) e o Hospital Augusto de Oliveira Camargo (Haoc), serão realizados 171 procedimentos nos próximos cinco meses.

Em coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira (06), o prefeito Nilson Gaspar (MDB) explicou que este modelo de convênio é algo inovador e vai abrir precedentes. “Tenho visitado nossas empresas e muitas delas demonstram desejo em contribuir com a nossa cidade, mas não sabem muito bem como. Criamos um modelo de parceria público-privado que pode ajudar bastante, especialmente no social, saúde e educação, áreas de primeira necessidade, pois são responsáveis por cuidados com as pessoas”, ressaltou.

O gestor municipal ainda lembrou que os serviços de saúde oferecidos em Indaiatuba são procurados por cidadãos de municípios vizinhos. “Da nossa média mensal de 110 mil atendimentos, 25% são pacientes de outras cidades, é uma demanda muito grande. Estamos dando conta dessa demanda em razão do nosso planejamento e gestão, mas vamos ficando sobrecarregados. Estamos sempre buscando recursos estaduais e federais, mas eles nem sempre vêm, então, parcerias como esta nos ajudam muito para a manutenção e melhoria dos serviços. Agradeço muito esta colaboração da associação, do hospital e das empresas”, comentou.

O montante total investido para a realização das cirurgias foi de R$ 162 mil, sendo R$ 150 mil por parte da Aesci e R$ 12.500 das empresas SHDias e Igecs. Já o Haoc oferecerá a retaguarda, caso algum paciente precise de cuidados mais específicos, como a UTI (Unidade de Terapia Intensiva), por exemplo.

Segundo a secretária de saúde, Graziela Drigo Bossolan Garcia, serão realizadas 32 cirurgias vasculares por mês, todas no Hospital Dia. “A partir deste convênio, já realizamos 13 cirurgias e devemos realizar mais quatro até o final desta semana. Estamos priorizando os pacientes de acordo com grau de necessidade e tempo de espera pelo procedimento. Em geral, eles são internados de manhã e já recebem alta no final do dia”, explicou.

O presidente da associação, Sérgio Baptista Ferreira, afirmou que este convênio é parte do trabalho social desenvolvido pela Associação das Empresas de Serviços Contábeis de Indaiatuba. “Estamos cumprindo com o papel da associação, convertendo para a população e para o município parte dos resultados do nosso trabalho. A proximidade com o poder público é necessária para desenvolver este lado social, que todo profissional tem que ter. Além desta parceria nova com a prefeitura, contribuímos ainda com 25 entidades assistenciais”, disse.

A coletiva de imprensa realizada na prefeitura contou ainda com as presenças do vice-presidente da Aesci, Sérgio Augusto de Agostini; do presidente do Igecs, Sergio Henrique Dias, da diretora da SHDias, Zuleika Quintana Pinheiro, e do diretor do Haoc, Ronaldo José Garcia.


Fotos


Notícias relacionadas