Notícias

Palestra promovida pela Saúde e ONG Mais Vida reuniu cerca de 100 pessoas na Câmara

  • Publicação: 09/04/2015 11:12h
  • Redator(es): Deuzeni Ceppolini
  • Release N.º: 382

Foto

Foto: Deuzeni Ceppolini - SCS/PMI

Cerca de 100 pessoas entre estudantes, profissionais de saúde, representantes de entidades participaram no dia 7 de abril, no auditório Joab Pucinelli, na Câmara Municipal, da palestra sobre Câncer. O evento foi promovido pela Prefeitura de Indaiatuba, por meio do Nasf (Núcleo de Apoio à Saúde da Família) da Secretaria de Saúde e a ONG Mais Vida. A palestra foi proferida pelo médico oncologista Fabricio Colli Badino para lembrar o Dia Mundial de Luta Contra o Câncer que é lembrado no dia 08 de Abril. A palestra visou chamar a atenção da população quanto à prevenção da doença.

Também participaram da abertura do evento o presidente da Câmara Municipal, Luiz Alberto Pereira (Cebolinha); secretário de Saúde, José Roberto Stefani; o presidente da ONG Mais Vida, Rogério Gotardi e a assistente Social da Volacc (Voluntários de Apoio no Combate ao Câncer) Mirma Otranto.

Para o presidente da Câmara a informação é a melhor arma para prevenir doenças. “As pessoas precisam de informações e prevenção constante para manter a saúde em dia e a qualidade de vida”.

O secretário de Saúde agradeceu o trabalho das entidades. “Agradecemos o trabalho das entidades que dão suporte aos pacientes, pois sabemos que o processo é longo difícil. Também temos o nosso Ambulatório de Oncologia que faz atendimentos e os encaminhamentos par a rede especializada”.

Após a abertura oficial os representantes da ONG Mais Vida e Volacc fizeram apresentação das entidades.

Fabrício ressaltou que o câncer é uma doença democrática e que pode aparecer devido a alguns gatilhos: físico, químico e psicológico, atinge a todos. “É uma doença complexa e há pessoas que vivem e outras não. Há tumores agressivos e os não agressivos, há metástase que disseminação linfática ou a hematogênica”.

Fabricio destacou que no Brasil são 576 mil casos novos por ano, 20% dos óbitos notificados em 2014. Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde) no mundo são atualmente 14 milhões de casos novos e 8 milhões de óbitos. Em 2030, serão 75 milhões pessoas com a doença e 21 milhões de casos novos com 13 milhões de óbitos. “Em Indaiatuba em 2014 foram 600 casos novos, são 2.000 pacientes e acompanhamento atualmente no Ambulatório de Oncologia da Secretaria de Saúde.

Em Indaiatuba os tipos mais comuns em homens são câncer de pele, próstata e nas mulheres são de mama e colo de útero.

A Volacc está localizada na Rua Antônio Zoppi, 587, Vila Candelária, fone: 3875-4544 e a “ONG Mais Vida” está localizada na Rua Padre Bento Pacheco, 1706, 3801-1256.


Notícias relacionadas