Notícias

Construção do Centro de Formação de Atletas de Alto Rendimento entra na fase final

  • Publicação: 12/11/2015 17:32h
  • Redator(es): Sirlene Virgílio Bueno
  • Release N.º: 1483

Foto

Foto: Eliandro Figueira – SCS/PMI

A obra do Centro de Formação de Atletas de Alto Rendimento – Ciclismo já está na fase final. Nesta semana a construtora responsável pela obra trabalha na conclusão do acabamento da área da arquibancada e na pintura final e limpeza do bloco 1, onde funcionarão os boxes das equipes. Essa segunda fase do Velódromo de Indaiatuba recebe investimento de R$ 4.629.571,92, sendo R$ 4.259.206,17 de convênio com o Governo Federal. A previsão é de que a obra esteja concluída até o final de dezembro.

O prédio do bloco 1 conta com dois pavimentos que somam 1.146,62m² de área construída, onde funcionarão dez boxes para ciclistas com banheiros, além de ambulatório, sala de imprensa, administração, rack para som e vídeo, cozinha, despensa, refeitório e terraço.

O bloco 2, que abriga a arquibancada terá capacidade para um público aproximado de 1.000 pessoas. Esse bloco ocupa uma área de 873,40m², onde funcionará uma lanchonete, sala de apoio, sala de segurança, ambulatório, pátio, sanitários masculinos, femininos e acessíveis, além de depósitos.

Para a conclusão das obras, a construtora também precisa terminar a pavimentação de um trecho externo da parte dos blocos.

A construção do Centro de Formação de Atletas de Alto Rendimento foi iniciada em julho do ano passado depois de concluídas as obras de construção da pista, que integrou a primeira etapa do Velódromo. O projeto é da Secretaria de Planejamento urbano e Engenharia.

Localizado na rua Miguel Domingues, no Jardim Regina, o Velódromo conta com uma pista de 250 metros lineares, onde foram investidos R$ 1.322.992,26, sendo R$ 975 mil também provenientes de convênio firmado com o Ministério de Esportes.

Como explicou o secretário de Engenharia, Sandro de Almeida Lopes Coral, o espaço cumpre as exigências da UCI (Union Cycliste Internationale) para receber eventos internacionais de ciclismo.


Notícias relacionadas