Notícias

Após sistema de monitoramento Indaiatuba reduz em 68,28% os furtos e roubos de veículos

  • Publicação: 03/12/2015 16:04h
  • Redator(es): Gil Nunes
  • Release N.º: 1602

Foto

Foto: Arquivo- Giuliano Miranda - SCS/PMI

Conforme dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública Indaiatuba reduziu em 68,28% o número de furtos e roubos de veículos em uma comparação entre os dez primeiros meses de 2008 e 2015. Em 2008 foram 1.015 veículos furtados ou roubados e em 2015 foram 359. Mesmo fazendo uma comparação entre 2014 e 2015 a redução foi de 10,31%. “Não podemos esquecer que nos dois períodos de comparação houve aumento significativo da frota”, lembra o secretário de Segurança Pública, Alexandre Guedes Pinto. Em outubro de 2008 havia 102.453 veículos registrados em Indaiatuba. Já em 2014 esse número saltou para 162.492 e em 2015 soma 168.426, ou seja, de 2008 para 2015 o acréscimo foi 64,393% e de 2014 para 2015 foi de 3,651%. “Temos que analisar antes do sistema de monitoramento implantando em 2009 e agora e estamos conseguindo manter ou reduzir os principais índices criminais de Indaiatuba com tecnologia, integração entre as forças policiais e serviço de inteligência”, comenta. “Além é claro do empenho e dedicação dos agentes de segurança de Indaiatuba que estão nas ruas de maneira preventiva 24 horas por dia”, completa. “É claro que gostaríamos de zerar, mas temos consciência que é impossível”, acredita. Já o número de roubos em geral reduziu 15,41%, ou seja, em 2008 foram 701 e em 2015 houve o registro de 593. Apenas o furto teve um pequeno acréscimo de 6,37% ao longo desse período. Lembrando que a população da cidade saltou em 2010 de 201.619 habitantes para 231.033 em 2015, portanto um aumento de 14,59%.

RMC

Indaiatuba mantém entre os municípios com índices de criminalidade abaixo da média da RMC (Região Metropolitana de Campinas) nos primeiros dez meses de 2015. É possível destacar os roubos e furtos de veículos. Indaiatuba tem 139,37 veículos furtados e roubados por 100.000 habitantes. Já na RMC esse número é de 381,99 automóveis, ou seja, quase três vezes superior. Já a taxa de furtos em Indaiatuba é de 679,12 crimes dessa natureza para 100.000 habitantes e a média da RMC é de 973,14 para o mesmo parâmetro. Para roubos os números são de 256,67 em Indaiatuba e na RMC chegou a 432,45. “Temos índices melhores em relação as cidades do nosso porte ou maiores”, comenta Alexandre. Alexandre salienta que são criadas estratégias de trabalho para sempre reduzir os números dos principais crimes. “A Guarda Civil, juntamente com a Polícia Militar e Polícia Civil realizam reuniões quinzenais no Geac (Grupo Especial de Analise Criminal), de forma rotineira e quando necessário em períodos menores para analisar os índices e elaborarem estratégias de ação usando das ferramentas tecnológicas e de inteligência que temos em Indaiatuba e o resultado desse trabalho está sendo colhido”, ressalta. “Temos que ter consciência que zerar esses números é muito difícil, para não dizer impossível, até por questão de legislação vigente no Brasil, mas estamos fazendo o que está ao nosso alcance para reduzir essa estatística”, completa.

Taxa por 100 mil Habitante – janeiro a outubro de 2015 (Fonte: SSP/SP)

Homicídio Furto Roubo F/R Veículos

Capital de SP 7,60 1.234,89 1.072,72 570,13

Média Estado SP 7,67 927,79 573,69 352,66

Média RMC 8,18 973,14 432,45 381,99

Indaiatuba 3,03 679,12 256,67 139,37


Notícias relacionadas