Notícias

Prefeito Nilson Gaspar faz Balanço dos dois primeiros meses de gestão

  • Publicação: 16/03/2017 16:04h
  • Redator(es): Sirlene Virgílio Bueno
  • Release N.º: 188

Foto

Foto: Giuliano Miranda RIC/PMI

O balanço de dois meses da gestão do prefeito Nilson Gaspar (PMDB) contou com duas inaugurações na área de Saúde, mutirões de serviços que atenderam mais de 25 bairros, conclusão de três obras, oferta de 1.120 novas vagas de cursos técnicos e visita do ministro da Educação, ampliação de projetos de Saúde e Esporte, e anúncio de melhorias no transporte público. O primeiro bimestre termina também com 22 obras em andamento. Apenas dois meses de trabalho foram o suficiente para o novo chefe do Executivo Municipal mostrar que está disposto a não deixar Indaiatuba parar diante da crise.

Com a naturalidade de quem conhece bem a Administração Municipal e está acostumado a tratar com seriedade as questões públicas, Gaspar resumiu seus primeiros meses de mandato como dias de muito trabalho. “Acredito que nesses dois meses consegui estabelecer meu ritmo de trabalho. Conheço bem a rotina do serviço público e tenho me dedicado muito para cumprir o meu propósito de manter Indaiatuba entre as melhores cidades do País para se viver. Já consegui fazer algumas coisas boas para a cidade, mas meus planos são bem maiores e quero fazer muito mais. Para isso estou trabalhando em novos projetos com minha equipe de secretariado e também buscando recursos junto aos governos Estadual e Federal para colocá-los em prática”, avisou.

Já na primeira semana de gestão, Gaspar suspendeu a aprovação de loteamentos na cidade pelo prazo de um ano; anunciou o recebimento de R$ 2.805.051,00 do Ministério da Justiça para modernização da Guarda Civil, que resultará na aquisição de novas viaturas e equipamentos; e alterou o limite de velocidade permitido na lombada eletrônica instalada na Marginal Esquerda do Parque Ecológico, para tornar o trecho mais seguro, que foi um compromisso assumido na campanha.

A segunda semana não foi diferente. O prefeito inaugurou a Unidade Básica de Saúde (UBS) construída no Parque Campo Bonito para atender uma população aproximada de 15 mil pessoas, e anunciou a mudança para período integral da Emeb (Escola Municipal de Educação Básica) “Padre Joaquim Aparecido Rocha”, localizada no Jardim Tancredo Neves. “Indaiatuba passou a contar com sete escolas funcionando em período integral, e estamos beneficiando mais de 2.600 estudantes”, comentou.

Nessa mesma semana, o chefe do Executivo solicitou um mutirão de limpeza e manutenção para melhorar as condições de tráfego do trecho sem asfalto da rodovia Lix da Cunha, com colocação de cascalho, roçagem dos acostamentos e recuperação das saídas de água que fazem a drenagem da via.

O lançamento de um novo polo do Projeto 100% Saúde, no Parque Campo Bonito, também foi feito na segunda semana de gestão. As reuniões do bairro acontecem na Emeb “Profª Maria Helena Costa e Silva”. O objetivo do 100% é atender as pessoas que estão acima do peso e que querem mudança de vida. O projeto conta com uma equipe multidisciplinar formada por cirurgião bariátrico, nutricionista e psicóloga.

Ainda no primeiro mês do ano, Gaspar decidiu prorrogar o vencimento da primeira parcela do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) para março, com o objetivo de proporcionar ao cidadão um respiro com as contas de início do ano; foi eleito presidente do Consórcio Intermunicipal do Ribeirão do Piraí (Conirp); e assinou um convênio com o Governo do Estado para implantação do Centro de Iniciação e Treinamento ao Ciclismo de Pista, no Velódromo, que atenderá 30 atletas de alto rendimento, e oferecerá um Projeto Educacional para crianças e adolescentes. O Estado oferecerá R$ 328.201,00 para a aquisição de equipamentos de ciclismo de pista.

O prefeito Nilson Gaspar fechou o mês de janeiro com o anúncio de que o município conseguiu com o Governo Federal a liberação de 1.120 vagas para o Mediotec, ligado ao Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego). “São opções de cursos técnicos gratuitos oferecidos pela Fiec (Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura) para alunos da rede pública, a partir do segundo ano do Ensino Médio. Nossa finalidade é suprir a demanda por mão de obra capacitada para o mercado de trabalho de Indaiatuba e também da região”, reforçou.

Fevereiro

Em fevereiro o prefeito Nilson Gaspar seguiu o ritmo de trabalho acelerado do primeiro mês do ano. No dia 1º foi anunciado que serão pavimentadas quatros vias da região norte da cidade. Integram o pacote de obras as ruas Ademar Von Ah, Bálsamo/Garapa, no Recreio Campestre Internacional Viracopos, a Alameda das Nações, no Parque das Bandeiras, e Alameda Porteira de Ferro, no bairro Morro Torto. O investimento na obra é de aproximadamente R$ 3,9 milhões.

No mesmo dia Gaspar sancionou a Lei que autorizou reajuste de 24% aos professores celetistas da Fiec que ministram aulas nos cursos do Mediotec. Foi o primeiro reajuste dos professores desde que o programa foi implantado em Indaiatuba, em 2013.

Ainda no dia 1º, o Chefe do Executivo anunciou uma série de mutirões de limpeza contra a Dengue que atenderão 22 bairros localizados em áreas do município que são consideradas de risco, e a construção de quatro novos ecopontos de inertes em pontos estratégicos da cidade, com o intuito de inibir o descarte irregular de entulhos resultantes de pequenas reformas.

Na segunda semana de fevereiro foi feita a readequação do trânsito no acesso da rua das Primaveras para a rua das Camélias, na Vila Pompéia, e o prefeito reuniu comerciantes da cidade em seu Gabinete para lançar o Projeto Páscoa Encantada, que levará decoração temática e atividades culturais ao Centro da cidade com o objetivo de oferecer entretenimento às famílias e promover o comércio local. “O comércio de Indaiatuba emprega cerca de 14.700 trabalhadores, por isso nossa preocupação, enquanto Poder Público, estão em criar formas de colaborar para não perdermos postos de trabalho diante dessa crise que o País está atravessando”, justificou.

As obras de implantação de travessia com aduelas na rodovia Lix da Cunha (SP-073) também foram iniciadas no mês passado, na altura do Conjunto Habitacional Caminho da Luz, onde o prefeito já anunciou que será asfaltado um trecho de cerca de 500 metros.

O segundo mês da gestão contou ainda com a inauguração do novo Centro Obstétrico do Hospital Augusto de Oliveira Camargo (Haoc), que é resultado da parceria da Prefeitura com a Fundação Leonor de Barros Camargo. A Prefeitura investiu R$ 350 mil na aquisição de equipamentos médicos, cirúrgicos e mobiliário.

No dia 21 de fevereiro Gaspar recebeu o ministro da Educação, José Mendonça Bezerra Filho, para a aula inaugural do Mediotec, na Fiec. “Foi uma honra receber um ministro de Estado em tão pouco tempo como prefeito e, principalmente, ouvir dele o quanto Indaiatuba está estruturada. Isso nos motiva a trabalhar cada vez mais”, ressaltou.

Dois dias depois da visita do ministro, o prefeito lançou o Cadastro de Imóveis Industriais, que foi disponibilizado no site da Prefeitura – www.indaiatuba.sp.gov.br. A nova ferramenta visa agilizar e estreitar o contato do segmento empresarial que procura a Prefeitura em busca de informações para instalação de empresas no município com os proprietários de terrenos e prédios para venda ou locação destinados à instalação de empresas.

As melhorias no transporte público anunciadas no final de fevereiro completaram o balanço de ações dos dois primeiros meses da gestão. Além da renovação da frota de ônibus com 20 veículos novos e outros 14 seminovos adquiridos pela empresa que tem a concessão do serviço, Gaspar ainda anunciou que será feita a reestruturação das linhas para diminuir o tempo de espera dos passageiros, a implantação de 20 novos pontos de recarga de bilhetes eletrônicos e o aumento do tempo do cartão integração para 60 minutos.

Em andamento

Pelos projetos que estão em desenvolvimento é possível prever que o ritmo de trabalho da Administração Municipal nos próximos meses não será muito diferente desse primeiro bimestre de gestão. O prefeito fecha os dois primeiros meses à frente da Prefeitura com importantes obras em andamento.

Na área de Educação destaca-se a Creche do Bairro Mato Dentro e a construção do novo refeitório no Complexo Educacional Parque das Nações. As duas obras estão em fase de acabamento e somam mais de R$ 4 milhões de investimentos.

A ampliação do Hospital Augusto de Oliveira Camargo (Haoc) é o destaque das obras já iniciadas na área de Saúde. A Prefeitura é parceira da obra que oferecerá 174 novos leitos à população. O investimento total nessa ampliação será de aproximadamente R$ 20 milhões.

Na área de Esportes o prefeito fecha os 60 dias de mandato com quatro obras em andamento: a ampliação da parte esportiva da Associação XVI de Janeiro; a construção do Ginásio do Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) e a instalação de cobertura em mais uma piscina, ambas no Centro Esportivo no Centro Esportivo do Trabalhador (CET); e construção e ampliação de vestiários e arquibancada da Associação XII Junho, do Jardim Morada do Sol. Essas obras totalizam investimentos aproximados de R$ 8 milhões.

Para o lazer, Gaspar ressalta o Parque da Criança, em construção no Parque Ecológico, que também deve ser entregue nos próximos meses; e da urbanização da área de lazer do Colinas de Indaiatuba. São mais de R$ 4,5 milhões de investimentos.

O novo Terminal Rodoviário de Indaiatuba em construção no Jardim Belo Horizonte,; o elevado do Jardim Hubert; a Casa da Memória de Indaiatuba (Biblioteca Municipal e Arquivo Permanente) em construção no antigo Matadouro, Vila Pompéia; e o Centro Dia e Instituto de Longa Permanência do Idoso, no Jardim Leonor, que terá capacidade para atender 50 idosos para permanência e atividades durante o dia, e outros 48 idosos em regime de moradia, são outras obras importantes que estão em andamento e que somam investimentos de quase R$ 24 milhões.

Para finalizar, o prefeito elencou os investimentos em saneamento, que fecham a lista de obras em andamento. Elas incluem a barragem do Rio Capivari-Mirim, com capacidade para armazenar 1,3 bilhão de litros de água, onde também está em construção um Parque Ecológico no entorno; a obra de ampliação da Estação de Tratamento de Água - ETA III, que dobrará a capacidade de tratamento; a construção dos reservatórios de água no bairro Buru e do Jardim Regente, e a implantação da segunda fase do sistema de esgotamento sanitário da região norte da cidade. Juntas, totalizam investimentos de mais de R$ 65 milhões.


Notícias relacionadas

Como podemos te ajudar?