Notícias

Prefeitura abre processo seletivo para contratar 180 fiscais

  • Publicação: 08/10/2018 09:26h
  • Redator(es): Renata Lippi A. Lemuchi
  • Release N.º: 845

Foto

Foto: Arquivo Giuliano Miranda - RIC/PMI

A Prefeitura de Indaiatuba, através da Secretaria de Educação, e de acordo com o Processo Administrativo nº 22964/2018, abre seleção para contratação de 180 fiscais para aplicação Amda (Avaliação Municipal de Desempenho do Aluno). Conforme publicação do Chamamento Público nº 010/2018, na Imprensa Oficial do dia 28 de setembro, as inscrições acontecem de 8 a 19 de outubro. Será pago a ajuda de custo no valor de R$ 50,00, líquido, por período trabalhado, sendo, que um fiscal poderá trabalhar até 9 períodos. Todas informações podem ser conferidas no link https://www.educmunicipal.indaiatuba.sp.gov.br/secretaria1.php?id=2815.

Os interessados devem comparecer na Secretaria de Educação, localizada na avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, 3665, Jardim Esplanada, das 8h às 17h, munidos da ficha de inscrição, devidamente preenchida em letra legível, juntamente com documento com foto (RG ou CNH), CPF, comprovante de endereço e comprovante de escolaridade.

Os requisitos necessários são: escolaridade em nível de graduação, em qualquer área de formação, ou estar cursando o segundo semestre da faculdade; não possuir vínculo de trabalho, de qualquer natureza, com as redes de ensino municipal ou vínculo com o poder público de Indaiatuba; dispor de endereço eletrônico para fins de comunicação com as equipes de coordenação e acesso a computador com conexão à internet; possuir conta corrente bancária em seu nome; possuir número de telefone celular para contato com as equipes de coordenação e possuir disponibilidade para os dias 29 de outubro (capacitação), 5, 6, 7 e 8 de novembro (aplicação da prova) em período integral, das 7h às17h.

As atribuições constituem em participar da capacitação; acompanhar todo o processo de aplicação, desempenhando as seguintes funções: apresentar-se na unidade escolar; acompanhar a abertura da embalagem da turma e a conferência da quantidade de provas; acompanhar a aplicação da prova, sem interrompê-la e sem ausentar-se da sala; registrar no Relatório do Fiscal qualquer ocorrência que não faça parte dos procedimentos da aplicação; acompanhar o recolhimento da prova dos alunos pela ordem da Lista de Presença; acompanhar a contagem dos cadernos de prova após o recolhimento, verificando se a quantidade é a mesma dos alunos presentes; entregar para o Professor Aplicador o Relatório do Fiscal e o Manual do Aplicador (caso esteja alocado nas turmas dos 1º, 2º anos) e preencher o formulário do fiscal, de acordo com as orientações estabelecidas no treinamento.

O interessado selecionado e alocado será informado por meio de seu endereço eletrônico. O critério de seleção será feito preferencialmente os formados em Educação (qualquer área); formado em qualquer outra graduação; alunos do último ano de graduação na área de Educação e alunos do último ano de graduação em qualquer área. Havendo empate em qualquer das situações acima previstas, será feito sorteio para a classificação dos interessados.


Fotos


Notícias relacionadas