Notícias

Oitava edição da Caminhada Pelos Bons Tratos dos Animais acontece dia 23 de junho

  • Publicação: 14/06/2019 15:48h
  • Redator(es): Sirlene Virgílio Bueno
  • Release N.º: 424

Foto

Foto: Eliando Figueira RIC/PMI

A 8ª Caminhada Pelos Bons Tratos aos Animais será realizada no dia 23 de junho. A concentração terá início às 7h30, na Praça Prudente de Moraes, com saída prevista para 9h30. O evento é promovido por protetores de animais com o apoio da Prefeitura de Indaiatuba. O objetivo é sensibilizar a sociedade sobre a causa dos animais.

Conforme explicou o cabeleireiro Carlos Roberto Beggo, que é um dos idealizadores do evento ao lado da médica veterinária Franciela Luque, as pessoas que fizerem a doação de R$ 25,00 às Ongs (Organizações não Governamentais) protetoras de animais do município ganharão uma camiseta da Caminhada. “A camiseta não é um abadá e não é obrigatória para participar da caminhada. É só um brinde para quem deseja colaborar com a doação em dinheiro. Como fazemos todos os anos, todo o dinheiro arrecadado usaremos na compra de ração para cães e gatos e no pagamento de dívidas das Ongs protetoras”, explica.

A Caminhada sairá da praça Prudente de Moraes e seguirá até o estacionamento no início do Parque Ecológico, passando pela praça do Chafariz e pelo campo de rúgbi do Parque Ecológico, onde terá soltura de balões.

No ano passado a Caminhada Pelos Bons Tratos aos Animais reuniu um público aproximado de 1.500 participantes e este ano a expectativa dos organizadores é de que o grupo seja ainda maior. “Quando realizávamos a caminhada em janeiro tinha mais participantes, mas muita gente levava os cães e o asfalto quente judiava muito deles. Decidimos transferir o evento para junho por ser mais frio, o que torna possível a participação dos animais sem nenhum problema”, completou Beggo.

A Administração Municipal mantém a parceria com as Ongs e voluntários por meio do Centro de Reabilitação Animal, que é mantido pela Secretaria de Urbanismo e do Meio Ambiente. O Centro oferece serviço gratuito de castração de animais atendidos pelas entidades e também trabalha para a doação de animais abandonados que são recolhidos e tratados no local.

O comprometimento da Prefeitura com a causa também é refletida em outras parcerias com entidades de proteção animal, como é o caso das Ongs Upar (União protetora dos Animais de Rua) e Anjos de Patas, que tiveram a concessão de áreas pertencentes ao município para a construção de suas sedes.


Notícias relacionadas