Relações Institucionais

 

Notícias

Secretaria de Saúde divulga dicas de fim de ano para prevenção contra Dengue, Chikungunya e Zika Virus

Os cuidados devem ser redobrados para quem pretende ir ao litoral paulista
06/12/2021 10:54h


Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI
Foto

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Centro de Operações Contra a Dengue, faz um alerta à população de Indaiatuba para a necessidade de intensificar os cuidados para prevenir a proliferação do mosquito Aedes aegypti no final de ano com o início da temporada do período pré-epidêmico das Arboviroses Urbanas. De acordo com o acompanhamento sistemático da situação epidemiológica de casos confirmados no Estado de São Paulo e Região Metropolitana de Campinas, a Secretaria de Saúde demonstrou um avanço das doenças Dengue, Chikungunya e Zíka Vírus, principalmente no litoral paulista.

As pessoas que têm viagens planejadas devem ficar atentas para os locais onde há concentração de número de casos de Dengue, Zika Vírus e Febre Chikungunya. A recomendação é que busquem informações com a Vigilância em Saúde do município de destino e adotem métodos de prevenção destas doença, entre eles, o uso de repelentes de acordo com as instruções descritas no rótulo da embalagem e aprovados pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), a eliminação de possíveis criadouros no local de hospedagem, a manutenção de portas e janelas fechadas e o uso de calças e camisas de manga comprida de preferência com cores claras para não atrair mosquitos.

Além da prevenção no deslocamento, o Coordenador do Programa Municipal de Controle da Dengue, Ulisses Bernardinetti, atenta para os cuidados com a residência durante a ausência dos moradores. “A orientação é não deixar objetos que acumulem água na casa fechada, nem expostos à chuva”. Outro alerta é direcionado aos moradores de imóveis com piscinas, nesses casos, os moradores devem solicitar a parentes e pessoas de confiança que tratem a piscina com cloro semanalmente.

Quem possui animais de estimação também precisa ter atenção redobrada. Caso não possa deixá-los aos cuidados de outro responsável, o tutor deve recorrer a alguém de confiança para visitas em dois períodos diários para alimentação e higienização dos recipientes e espaço dos animais. A água deve ser trocada diariamente e a vasilha deve ser lavada com o uso de uma bucha para limpeza.

Aos moradores que ficarão em Indaiatuba durante as festas de final de ano, a Secretaria de Saúde orienta que seja verificado o seu imóvel 10 minutos por semana e que seja realizado a eliminação dos potenciais criadouros, mantendo as calhas e ralos externos limpos e/ou fechados, em caixas d’água e latas de lixo, deixar os tonéis fechados e não manter pratos embaixo de vasos de plantas, lembrando que o mosquito procurará qualquer recipiente que acumule água para depositar seus ovos na parede deste recipiente, não diretamente na água.

O período de maior intensidade biológica do Aedes aegypti é entre outubro à abril, sendo que o período dos casos confirmados da doença permanece entre janeiro à julho, com maior pico entre abril e maio e de acordo com esses dados, a equipe de Controle da Dengue do município, realiza ações para evitar o disparo de casos da doença na cidade. As condições climáticas do Verão, com chuvas e altas temperaturas, junto ao deslocamento de pessoas nessa época são fatores que influenciam a alta do índice da doença.

Os sintomas da dengue são febre, usualmente entre dois e sete dias, náuseas, vômitos, dor muscular, dores nas juntas articulares, dor de cabeça, dor atrás dos olhos e manchas vermelhas pelo corpo.

Em caso de sintomas destas doenças durante a viagem ou no retorno, é necessário procurar uma unidade de saúde de referência para atendimento, não tomar medicamentos sem orientação médica e informar ao profissional de saúde a localidade onde esteve nos últimos 14 dias.

  • Redator(es): Gabriel Beccari
  • Release N.º: 1462

Notícias relacionadas

Av. Eng. Fábio Roberto Barnabé, 2800 - M.D. - CEP: 13331-900
Telefones: (19)3834-9000 / 0800-770-7702

© Prefeitura Municipal de Indaiatuba