Relações Institucionais

 

Notícias

Fiec unifica sede na unidade do Jardim Regina e anuncia ampliação do prédio

Unidade localizada no bairro Cidade Nova será reformada para receber uma escola da Rede Municipal
08/02/2023 16:27h


Foto: Eliandro Figueira - RIC/PMI
Foto

Prefeito Nilson Gaspar e superintendente da Fiec, Geraldo Garcia, anunciam novidades em coletiva à imprensa

A Fiec (Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura) será unificada no prédio da unidade I, localizado no Jardim Regina. A nova Fiec também passará por uma obra de ampliação. O prédio da unidade II, localizado no bairro Cidade Nova, será incorporado à Rede Municipal de Ensino e abrigará uma Emeb (Escola Municipal de Ensino Básico) de período integral, com capacidade para 512 alunos. O prefeito Nilson Gaspar e o superintendente da Fundação, Geraldo Garcia, reuniram a imprensa na manhã desta quarta-feira (08/02) para anunciar as novidades. A entrevista coletiva foi realizada no Gabinete do Prefeito. 

De acordo com o prefeito, a Fiec está passando por um momento de evolução. “Hoje, a Fiec está presente em várias cidades de nossa região, tem uma parceria forte com os governos Estadual e Federal,  mas já estamos pensando para os próximos 10 anos, colocando em prática o projeto Fiec 4.0”, ressaltou. “Só no ano passado, entre comércios, empresas e prestadores de serviços, chegamos a quase 3.000 novas empresas em Indaiatuba, e a Fiec é um fator determinante para a formação de mão de obra qualificada para atender a demanda. Sabemos da importância da Fiec para o município e estamos sempre buscando formas de melhorá-la ainda mais. Vamos fundir a Fiec I e II e evoluir para uma única e nova Fiec, que possibilitará a otimização do quadro de custeio, e melhorar a proximidade dos funcionários, professores e alunos”, explicou.

Gaspar explicou que, além da redução de custos de manutenção, a proposta de reunir os cursos em um único prédio também foi motivada pelas restrições do imóvel com suas estruturas antigas e características históricas, o que dificulta a implantação de inovações e laboratórios necessários aos cursos, sem recorrer à grandes reformas. Com sede única, a direção da Fiec reduzirá os cursos com a duplicidade de serviços contratados para atender a portaria, serviços gerais, manutenção e cantina. A unificação das unidades ainda facilitará a gestão administrativa da fundação.

A mudança dos cursos para o jardim Regina já foi iniciada neste semestre, e o prédio ganhará um anexo com um projeto moderno e funcional para atender a demanda dos cursos. Na próxima semana será aberto o edital para a licitação da obra do novo prédio, que ocupará a área do atual estacionamento.  O anexo terá 2.432m² e construção receberá um investimento no valor de R$11,6 milhões. A previsão é de que a ampliação esteja concluída em maio de 2024.

Com o novo prédio, a Fiec terá capacidade para atender simultaneamente até 1.640 alunos por período, com 19 cursos em diversas áreas de formações técnica, tecnóloga, pré-vestibular, especializações e cursos rápidos.

Fundada em outubro de 1985, a Fiec iniciou as atividades no Ginásio Municipal de Esportes, onde permaneceu até 1988 quando mudou-se para o prédio da Cidade Nova. Em 2021 inaugurou a sede atual no Jardim Regina e manteve as duas unidades até 2022.

Para o superintende da Fiec, há uma revolução acontecendo rumo aos 40 anos da Fiec. “Além do desafio de atender mais 15 cidades através do Novotec e o interesse das empresas nos treinamentos sob medida, a unidade já está com cara nova, com laboratórios mais modernos do que os que existiam na antiga unidade. Um novo acesso será criado, inclusive valorizando o novo prédio, que quando entregue, também vai apresentar o memorial nesse novo momento. Isso é só o começo”, avisou.

O prédio da unidade I, no Jardim Regina, conta atualmente com 5.163,77m², com auditório; biblioteca; 26 salas de aula, sendo 16 laboratórios; sala Coworking; sala Google for Education e polo de inclusão digital. São disponibilizados os cursos técnicos em Administração, Análises clínicas; Design de interiores; Edificações; Enfermagem; Farmácia; Gastronomia; Informática; Informática para web; Logística; Mecatrônica e Química; tecnólogo em Processos químicos, além de e cursinho pré-vestibular e cursos de Informática básica e extracurriculares.

Incluindo o Programa Novotec, a Fiec tem previsão de atender mais 3.354 estudantes. O Polo Novotec conta com 2.566 alunos distribuídos em Indaiatuba; Americana; Cabreúva; Campinas; Cosmópolis; Hortolândia; Itatiba; Itu; Itupeva; Jundiaí; Mogi-Guaçu; Monte Mor; Sorocaba; Sumaré e Votorantim.

 

Cidade Nova

Antes de abrigar a unidade II da Fiec, o imóvel da Cidade Nova já foi ocupado por três escolas estaduais. Nel, já funcionou as tradicionais escolas Dom José de Camargo Barros, Randolfo Moreira Fernandes e Prof. Hélio Cerqueira Leite. Com a mudança da Fiec, o prédio de 3.357,38m² passará por reformas para abrigar uma nova unidade de ensino da Rede Municipal. Serão 16 salas de aula que atenderão 192 alunos das Etapas 1 e 2, e 320 alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental.

O secretário da Educação, Heleno da Silva Luiz Jr., informou que há uma demanda crescente nessa região da cidade e o prédio do Bairro Cidade Nova será bastante útil. “Vamos investir na transformação do prédio onde funcionava a Fiec II, para uma nova Emeb que funcionará em período integral.  Nós precisamos partir para o modelo atual americano, não em período integral e sim com ensino integral. Já estamos implementando esse conceito na Emeb Áurea e é esse o modelo de currículo que almejamos para essa nova unidade. A concepção não vai só na estrutura física, ela abrange o processo metodológico de ensino para que possamos realmente transformar a educação da forma que a criança necessita”, complementou.

  • Redator(es): Sirlene Virgílio Bueno / Juliana Wolf
  • Release N.º: 96

Fotos


Notícias relacionadas

Av. Eng. Fábio Roberto Barnabé, 2800 - M.D. - CEP: 13331-900
Telefones: (19)3834-9000 / 0800-770-7702

© Prefeitura Municipal de Indaiatuba