A-
A+

Relações Institucionais

 

Notícias

Lançamento do Centro de Pesquisa e Inovação em Saúde Mental reúne mais de 600 pessoas em Indaiatuba

Evento contou com a presença de autoridades, pesquisadores internacionais, profissionais de saúde e investidores
16/03/2023 16:26h


Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI
Lançamento do Centro de Pesquisa e Inovação em Saúde Mental reúne mais de 600 pessoas em Indaiatuba

Autoridades, pesquisadores internacionais e profissionais de saúde marcaram presença no evento.

A Prefeitura de Indaiatuba e a UniMAX lançaram oficialmente na noite da última quarta-feira (15) o Centro de Pesquisa e Inovação em Saúde Mental (CISM). O evento contou com a participação de 640 pessoas entre autoridades, pesquisadores internacionais, profissionais de saúde e alunos da universidade indaiatubana.

A mesa de debates e apresentações do Projeto foi composta pelo professor Eurípedes Constantino Miguel, professor titular, coordenador do programa de pós-graduação e vice chefe do departamento de psiquiatria da faculdade de medicina da Universidade de São Paulo (USP), professor Luis Augusto Rhode, professor titular do departamento de psiquiatria e medicina legal da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e o professor Paulo Rossi Menezes, professor titular de medicina preventiva da faculdade de medicina da USP. Também participou do evento, mas de maneira virtual, dr. Nuno Sousa, membro do Conselho Consultivo do Curso de Medicina do Grupo UniEduK.

Segundo o prefeito de Indaiatuba, Nilson Gaspar, investir em saúde mental nunca foi tão importante como nos dias de hoje. “Cada vez mais estamos reféns das tecnologias que nos conectam, como computadores e celulares. As pessoas estão perdendo os vínculos afetivos com família e amigos e isso traz um prejuízo enorme ao longo do tempo, principalmente na questão da socialização. Por isso, um projeto com essa magnitude, prevê um acompanhamento mais clínico nas ações que envolvam a saúde mental”, comentou Gaspar.

Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI

Centro de Pesquisa e Inovação em Saúde Mental (CISM)

O projeto tem por objetivo o desenvolvimento de tecnologias de saúde mental digital e a implementação de estratégias efetivas para transformar e aumentar a acessibilidade em tratamentos de saúde mental no Sistema Único de Saúde (SUS) em Indaiatuba nos próximos dez anos.

O Centro de Pesquisa e Inovação em Saúde Mental proposto pela UniMAX e a Prefeitura será desenvolvido em parceria com a Universidade de São Paulo (USP), a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), a Universidade de Yale, a Universidade de Harvard, o Instituto Karolinska, além da iniciativa privada por meio do Banco Industrial do Brasil, que enviou ao evento de lançamento seu mantenedor, dr. Carlos Mansur.

Para a diretora da UniMAX, Luciana Mori, o projeto é inédito no Brasil. “Ter um projeto de pesquisa dessa monta, como é o CISM, em uma instituição de ensino privado é algo inédito nesse país. O que buscamos com parceria público-privado é entregar para a população, em um primeiro momento para Indaiatuba, posteriormente para o Estado de São Paulo e em todo o Brasil, uma saúde mental de qualidade. Este é apenas o pontapé inicial de um projeto extremamente inovador e a nossa pretensão é que, aliado as melhores práticas e técnicas, possamos entregar à sociedade pessoas emocionalmente muito mais saudáveis”, salienta a também professora, Luciana.