A-
A+

Relações Institucionais

 

Notícias

Prefeitura de Indaiatuba promove encontro com vereadores no Centro Integrado de Oncologia

Autoridades locais visitaram estrutura da Saúde e puderam conversar com médicos e profissionais da área oncológica
05/05/2023 16:10h


Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI
Prefeitura de Indaiatuba promove encontro com vereadores no Centro Integrado de Oncologia

Vereadores visitam Centro de Oncologia acompanhados de equipe médica e gestores públicos

A Prefeitura de Indaiatuba por meio das secretarias de Relações Institucionais e Comunicação e de Saúde promoveram na tarde da última quinta-feira (4) um encontro com os vereadores da Câmara Municipal de Indaiatuba no Centro Integrado de Oncologia. O objetivo da reunião foi apresentar os dados referentes ao primeiro ano de trabalho da unidade.

Acompanhados das secretárias, Graziela Milani (Comunicação) e Graziela Garcia (Saúde), os vereadores Pepo Lepinsk, Arthur Spíndola, Alexandre Peres e Índio da 12 puderem conhecer toda a equipe que comanda o Centro Integrado de Oncologia, os protocolos de trabalho e os investimentos tecnológicos na área oncológica disponíveis em Indaiatuba, como por exemplo o raio X digital, um dos poucos equipamentos disponíveis no Brasil para atendimento de pacientes do Sistema Único de Saúde.


Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI

DADOS SOBRE A ONCOLOGIA

Desde fevereiro de 2022 foram realizadas 1.341 consultas especializadas, 3.189 sessões de quimioterapia e mais 400 cirurgias.

Segundo a secretária de Saúde, Graziela Garcia, hoje em Indaiatuba não há filas para atendimento oncológico. “Com o credenciamento, Indaiatuba passou a ser referência no atendimento oncológico para a população não apenas daqui, mas também da região. Com isso, nós conseguimos zerar a fila de novos atendimentos oncológicos para a população local além de atender com agilidade os casos que vem de fora encaminhados pelo sistema regional. Isso é mérito de um trabalho em equipe, que além de qualificada tecnicamente é humanizada e preparada para acolher os nossos pacientes em todas as suas necessidades”, comentou Garcia.

Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI

Desde o credenciamento, Indaiatuba passou a tratar diversas especialidades na área oncológica como: mastologia; aparelho digestivo; urologia; cabeça e pescoço; e ginecologia, oferecendo inclusive o tratamento com quimioterapia no próprio município. Outras especialidades como câncer infantil e hematológico ainda são tratadas em outras cidades pela referência de alta complexidade. O tratamento complementar com radioterapia também não é oferecido em Indaiatuba, pois segundo norma técnica do Governo Federal, apenas cidades com mais de 500 mil habitantes podem ser credenciadas para obter este serviço, mas embora não possua este atendimento, a Secretaria de Saúde oferece transporte gratuito para pacientes que precisam se deslocar para outras cidades para realizar outros procedimentos mais complexos.