A-
A+

Relações Institucionais

 

Notícias

Indaiatuba recebe primeira edição do Seminário Internacional de Rasaboxes com oficinas gratuitas

Técnica de expressividade corporal e emocional pode ser usada nas artes cênicas e no campo profissional
17/01/2024 16:57h


Foto: Divulgação
Indaiatuba recebe primeira edição do Seminário Internacional de Rasaboxes com oficinas gratuitas

Rasaboxes oferece ferramenta para acessar, expressar e gerir seus sentimentos e emoções

Com produção de Juliana Calligaris, Erika Horn e da Cia. Trilhas da Arte - Pesquisas Cênicas, de Campinas, em parceria com o Grupo de Teatro Estrada, Indaiatuba recebe entre os dias 22 a 27 de janeiro a primeira edição do Seminário Internacional de Rasaboxes. As atividades são gratuitas e abertas a todos os interessados, maiores de 16 anos, sem necessitar experiência em Artes Cênicas ou Dança.

Concebido na década de 1980 e 90 por Richard Schechner, a técnica dos Rasaboxes oferece a intérpretes, atrizes, atores e performers uma ferramenta para acessar, expressar e gerir seus sentimentos e emoções no contexto das artes cênicas em geral e também no campo profissional.

Basicamente, os Rasaboxes treinam os participantes para expressar fisicamente oito emoções-chave identificadas pela primeira vez na Natyasastra, um texto sagrado hindu em sânscrito que ensina como lidar com teatro, dança e música destes tempos imemoriais.

Os Rasaboxes integram esta teoria ancestral juntamente com a pesquisa contemporânea de vários autores, sobretudo a do artista e pesquisador estadunidense Richard Schechner sobre emoção e sobre o "cérebro na barriga" (o sistema nervoso entérico) e integram também estudos acerca da expressão facial da emoção, da neurociência das emoções e sobre a teoria da performance – incluindo a afirmação provocativa de Antonin Artaud de que o ator é "um atleta das emoções”.  

Os Rasaboxes são uma ferramenta totalmente corporal e individual para expressar aquelas oito emoções-chaves principais separadamente e em combinação com a prática física direta.

Performance

A palavra sânscrita rasa pode ser traduzida como sumo, sabor, aroma, essência. Rasas são os sabores primários como salgado, azedo, doce, picante, adstringente e amargo, cheiros ou como a pessoa se sente – “vermelha”, “rosada”, “pesada” e assim por diante.

Rasas são os diferentes “sabores” de energia e emoções que são sentidas durante uma performance artística ou uma situação da vida cotidiana. As oito rasas – em tradução livre – são adbhuta (surpresa, deslumbramento), sringara (amor, eros), bhayanaka (medo, vergonha), bibhatsa (repulsa, revolta), vira (coragem, valetia), hasya (risada, o cômico), karuna (tristeza, compaixão) e raudra (ira).

Em suas fases mais avançadas, os artistas de Rasaboxes misturam, sobrepõem e pontuam as oito rasas de modo a criar expressões complexas, seres ficcionais e relações emocionais psicofísicas.

Usando rasaboxes, artistas podem explorar peças, compor cenas, criar coreografias ou música e mesmo inventar performances completas. No mundo além das artes, rasaboxes podem ser usados para liberar emoções, ajudar a descobrir sentimentos.

No seminário serão realizadas oito diferentes oficinas baseadas na técnica dos Rasaboxes, desde interpretação, palhaçaria e melodrama, até oficinas livres para qualquer pessoa interessada em se descobrir e promover seu cuidado emocional.

Oficina

No dia 24, das 13h às 18h, na sede do Grupo de Teatro Estrada, acontece a oficina “A pedagogia de Sotigui Kouyaté e o Rasaboxes”, exclusiva para adolescentes de 13 a 19 anos.

O Griot é o mestre da palavra e da transmissão dos conhecimentos fundamentais, guardião da vida. Os Kouyaté são os primeiros griots e mantém a tradição oral passada por gerações. Sotigui Kouyaté é desses mestres: um ator africano celebrado no Ocidente por suas colaborações com diretores como Bernardo Bertolucci e Peter Brook.

Anna Wiltgen, que ministra a oficina, acompanhou Sotigui Kouyaté em suas vindas ao Brasil, aprofundando os estudos de seu método e utilizando-o em sua prática pedagógica com Rasaboxes.

A técnica funciona como antídoto para a intensa autocrítica e autorregulação que o jovem experimenta perante o grupo. A pedagogia de Kouyaté é, entre outros aspectos, baseada no desenvolvimento da sensibilização e da escuta de cada um consigo próprio e com o coletivo.

As inscrições para esta oficina devem ser realizadas pelo telefone (19) 99226-2478.

O I Seminário Internacional de Rasaboxes chega por meio do ProAC Editais da Secretaria de Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo, com apoio da Prefeitura de Indaiatuba, através da Secretaria Municipal de Cultura.

I Seminário Internacional de Rasaboxes

Data: 22 a 27 de janeiro
Local: Grupo de Teatro Estrada
Endereço: Rua 5 de Julho, 1552, Centro, Indaiatuba (SP) - confira o mapa
Programação: confira aqui
Inscrições: neste link
Todas as atividades são gratuitas

  • Redator(es): Fábio Alexandre
  • Release N.º: 36

Notícias relacionadas

Av. Eng. Fábio Roberto Barnabé, 2800 - M.D. - CEP: 13331-900
Telefones: (19)3834-9000 / 0800-770-7702

© Prefeitura Municipal de Indaiatuba